quinta-feira, 13 de novembro de 2014

«Os portugueses gostavam de ver alguns regressos...» - Tiago.

Não foram as estreias que mais marcaram as primeiras convocatórias de Fernando Santos como selecionador de Portugal mas sim os regressos de jogadores como Ricardo Carvalho, Danny, Ricardo Quaresma ou, mais recentemente, Bosingwa. Tiago, também ele de volta à família da Seleção, não escondeu o ânimo por rever velhos conhecidos. 

«Para mim, é uma alegria ter jogadores da minha geração, ou quase, de volta porque vivemos muito juntos. Para os jovens é bom porque somos referências, temos peso e isso pode ajudá-los a não sentirem tanta pressão», disse em conferência de imprensa, onde deu conta do ambiente que se vive por estes dias no seio da equipa das Quinas:

«Voltaram jogadores que não via há bastante tempo. Temos um bom grupo, também com jogadores jovens, e estamos a construir um grande ambiente. O mister também proporciona e ajuda a que isso aconteça. Estamos todos muito felizes.»

E será que estes regressos ajudaram a fazer as pazes com o público? «É relativo. Todos ficaram tristes porque Portugal não passou a primeira fase no Mundial, depois começámos o apuramento para o Europeu com uma derrota. É normal os portugueses sentirem que podemos fazer mais. Mostrámos frente à Dinamarca que estamos com muita vontade de levar Portugal ao Europeu. Os portugueses gostavam de ver alguns regressos e todos estão com esta Seleção.»

O apoio dos adeptos no Estádio do Algarve, sexta-feira, frente à Arménia será, por isso, vital: «É importante que a Arménia sinta que está a jogar em Portugal e os nossos jogadores sentirem o apoio do público.»

Nenhum comentário:

Postar um comentário