terça-feira, 9 de outubro de 2012


Miguel Veloso considera importante uma vitória da Selecção Nacional frente à Rússia
Sempre para ganhar. 

 O jogador internacional Miguel Veloso considera ser "importante ganhar" na visita de sexta-feira à Rússia, sem que o jogo seja "decisivo" na qualificação de Portugal para o Mundial Brasil2014. 

 "É mais um jogo onde a Selecção vai entrar para ganhar e concretizar os seus objectivos. Sabemos da importância do jogo e estamos preparados. A Selecção entra para qualquer jogo para ganhar", afirmou o médio do Dinamo Kiev, concentrado com outros 22 membros da Equipa das Quinas em Óbidos. 

 Miguel Veloso acrescentou que, mesmo se Portugal conquistar os três pontos em Moscovo, isso "não decide nada". "Se conseguíssemos ganhar era importante, mas isto é um grupo e temos dez jogos para fazer. Não é ainda decisivo. O importante é estar presente nas competições, se for sem ‘play-off’, muito bom. Se tiver de ser com ‘play-off’...", continuou. 

 Sobre as diferentes condições oferecidas pelo moscovita Estádio Luzhniki, com piso sintético, o jogador luso sublinhou as diferenças, mas confiando numa boa adaptação dos portugueses e na presença dos "tocados" Cristiano Ronaldo e Pepe. "O campo sintético é diferente. É muito mais rápido, mas vamos estar preparados e fazer o nosso melhor", disse, acrescentando que os jogadores do Real Madrid que têm estado afastados dos treinos "querem jogar e ajudar a selecção e os colegas" e "com certeza, vão estar dentro do campo". 

 Sobre o adversário, Veloso destacou como "ponto mais forte" a "saída para o contra-ataque", além de jogar em casa, "com público a seu favor".

 Portugal e Rússia têm ambas seis pontos no Grupo F do apuramento Europeu para o Campeonato do Mundo Brasil2014, enquanto Luxemburgo, Azerbaijão, Irlanda do Norte e Israel só conquistaram ainda um ponto cada. 

 O encontro Rússia-Portugal vai decorrer sexta-feira, a partir das 19h00 (16h00 em Lisboa), seguindo-se uma recepção da Equipa das Quinas à congénere da Irlanda do Norte, terça-feira, pelas 20h45, no Estádio do Dragão, Porto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário