quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Paulo Bento comanda a Selecção Nacional - Clube Portugal

“Empate seria mais justo”

O Selecionador Nacional, Paulo Bento, classificou, esta quarta-feira, de injusta a derrota frente à Argentina (1-2) em Genebra, Suíça, manifestando-se agastado pela forma como perdeu o particular de preparação para a qualificação para o Euro2012.


“É um resultado que temos de aceitar – apesar de custar perder praticamente nos descontos e com um penalty –, mas Portugal não foi inferior ao adversário ao longo dos 90 minutos e por isso penso que se ajustava mais o empate”, resumiu, na flash interview à RTP 1.


Paulo Bento diz que os seus pupilos fizeram um “bom jogo” e lembrou o valor do rival – “parece-me uma equipa com nível qualitativo igual à Espanha [campeã da Europa e do Mundo]” –, recordando ainda as três vitórias alcançadas no seu percurso de quatro desafios enquanto Selecionador.


“Focalizam muito as três vitórias de Paulo Bento e agora a derrota. A Selecção tem um trajecto de quatro jogos, dois de qualificação, em que ganhou e conseguiu alterar o rumo da caminhada para o Euro2012, um contra a Espanha [4-0] e um bom jogo contra a Argentina”, vincou.


Por seu lado, Fábio Coentrão realçou a qualidade do embate com os sul-americanos.“Foi um bom teste. Portugal esteve bem. Não merecíamos ter perdido. A equipa é forte e tem muita qualidade. É levantar a cabeça e pensar já no próximo jogo”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário