quarta-feira, 10 de junho de 2015

«Não penso jogar até aos 40, quero acabar num bom nível» - Ricardo Carvalho

Ricardo Carvalho pode tornar-se, no encontro com a Arménia, no próximo sábado, o jogador de campo mais velho a envergar a camisola de Portugal. Aos 37 anos, o defesa-central diz sentir-se na plenitude das suas capacidades e recusa-se a perspetivar o final da carreira.

«Não quero pensar nisso, tenho essa luta comigo mesmo. A idade passa mas estou a prolongá-la. Não sei quando irei terminar, já faltou mais... Enquanto me sentir útil continuarei a jogar, mas sei que não será muitos mais anos. Nesta fase penso ano a ano», explicou o jogador, esta terça-feira, em conferência de Imprensa.

«Não penso jogar até aos 40, quero acabar num bom nível. Não quero acabar mal a minha carreira. Espero jogar mais um ano», indicou.

Disputar a fase final do Europeu de 2016, em França, é objetivo que pretende concretizar.

«Sinto-me bem hoje, o mais importante é que Portugal se qualifique. Foi importante regressar e ajudar o meu País, não sei como vou estar daqui a um ano. Vivo o momento, tenho esperança em chegar lá mas nem tudo depende de mim», ressalvou Ricardo Carvalho.

Ao serviço da Seleção A desde 2003 – com um hiato na era Paulo Bento -, Ricardo Carvalho sentiu-se sempre acarinhado pelos portugueses.

«Não me posso queixar. Iniciei o meu percurso em 2003 e o meu País sempre me respeitou. Todos os portugueses sempre me respeitaram bastante», salientou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário