terça-feira, 1 de julho de 2014

Paulo Bento: «Tenho consciência de que falhámos o objetivo»

Na sua primeira entrevista depois da participação no Campeonato do Mundo, Paulo Bento reafirmou, na TVI24, a ideia que já tinha transmitido no Brasil e sobre a qual não existem dúvidas: Portugal falhou o objetivo mínimo a que se tinha proposto na competição, atingir os oitavos-de-final.

"Parece-me claro que houve coisas e fatores que não correram bem. Tínhamos um objetivo claramente definido, que era passar a fase de grupos. Não o conseguimos, pelo que a nossa participação tem de ser vista como uma participação negativa. Dececionado? Sim, estamos todos, mas também o povo português. Acima de tudo sou um treinador que tem a consciência de que não alcançou o objetivo que tinha definido", começou por analisar o técnico nacional.

Encontrar explicações para o que de negativo sucedido no Brasil não é fácil, mas Paulo Bento, entre outros fatores, destaca a forma como a equipa não conseguiu reagir à goleada sofrida com a Alemanha logo na estreia.

"Continuo a ter a ideia de que o jogo com a Alemanha nos deixou marcas negativas, tanto a nível de resultado como em termos emocionais. Não nos permitiu que, nos jogos seguintes, tivéssemos uma reação de acordo com o nosso valor", acrescentou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário