sábado, 21 de junho de 2014

Chuva e gás-pimenta na chegada da Seleção a Manaus.

A Seleção Nacional já chegou a Manaus, palco do desafio da segunda jornada do Grupo G, onde a equipa das quinas terá pela frente os Estados Unidos na caminhada para os oitavos de final do Mundial-2014.

Após voo que demorou três horas e meia desde o aeroporto de Viracopos, em Campinas, a Seleção aterrou na cidade do estado da Amazónia por volta das 1.15 horas portuguesas. À chegada, além de centenas de adeptos, a turma portuguesa encontrou muita chuva, humidade e calor.

De acordo com a Polícia Federal local, os mais de mil adeptos quiseram estar o mais perto possível do hotel onde a Seleção está hospedada, facto que entupiu o trânsito local. De forma a evitar confusões com a multidão, as autoridades terão até recorrido ao uso de gás-pimenta para dispersar algumas pessoas que quiseram chegar mais perto dos craques nacionais, em particular Cristiano Ronaldo.

A Seleção realizará um treino pelas 0.30 horas portuguesas, pelo que, quatro horas antes, o selecionador Paulo Bento e um jogador a designar irão responder às perguntas da comunicação social na Arena Amazónia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário