domingo, 22 de junho de 2014

«A esperança é a última a morrer» - Beto.

Beto, o escolhido por Paulo Bento para defender a baliza de Portugal no jogo com os EUA, diz que no seio do grupo de trabalho ainda existe a esperança no apuramento para os oitavos de final do Mundial.

«Temos um sentimento de frustração porque trazíamos uma grande ilusão para este jogo. Na minha perspetiva fizemos um bom jogo, em condições difíceis e contra um adversário difícil. Nunca jogamos sozinhos. Fizemos uma primeira parte muito boa, abanámos um pouco com o golo dos EUA, fomos para a frente à procura da vitória e eles fizeram o segundo em contra-ataque. Voltámos a correr atrás do prejuízo e o golo do Varela dá-nos uma réstia de esperança», analisou o guarda-redes, em declarações à RTP.

«Não era o cenário que queríamos mas é o cenário que temos. É a esta esperança que temos de nos agarrar e olhar para o jogo com o Gana. A esperança é a última a morrer. No balneário sente-se e respira-se essa esperança. É difícil, não queríamos ter um ponto ao fim de dois jogos», reconheceu Beto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário