terça-feira, 27 de maio de 2014

«Não sou o jogador que todos esperavam» - Rafa.

Rafa, o delfim de Portugal no Mundial do Brasil, diz ter consciência de não ser «o jogador que todos esperavam» ver nos 23 escolhidos por Paulo Bento. 

«Não sou o jogador que todos esperavam, mas vou trabalhar para ser opção em todos os jogos. Não sinto pressão. É normal que ninguém estivesse à espera, mas não me sinto o substituto de Quaresma ou de qualquer outro jogador. Fui escolhido para estar aqui e estou grato por isso», frisou o médio ofensivo do SC Braga, em conferência de Imprensa.

Rafa admite ter ficado «surpreendido» com a convocatória, mas lembra que trabalhou durante «toda a época para ajudar» a equipa minhota. 

«Fui recompensado», notou o jogador, salientando a receção de que foi alvo na equipa das quinas:

«Fui bem recebido e isso é importante porque sou jovem. Espero ter a ajuda dos meus colegas para aprender e evoluir cada vez mais».

Questionado se a chegada tardia de Cristiano Ronaldo aos trabalhos da Seleção poderá abrir-lhe as portas da titularidade no jogo de preparação com a Grécia, lembrou Rafa que a decisão pertencerá a Paulo Bento.

«Estou sempre pronto para jogar, mas cabe ao selecionador escolher», referiu, revelando desde já disponibilidade para pisar terrenos que lhe são desconhecidos:

«Sinto-me mais confortável onde o mister quiser que eu jogue. No meio sinto-me melhor, mas desde que jogue qualquer posição é boa».

Nenhum comentário:

Postar um comentário