terça-feira, 3 de setembro de 2013

Portugal apenas por uma vez venceu em Belfast.


No ranking da FIFA, presentemente, 102 (!) lugares separam Portugal (7.º) da Irlanda do Norte (109.º). Mas se há seleção que costuma, na prática, contrariar a teoria... essa é a Irlanda do Norte.

O historial de duelos entre os dois países demonstra claramente que o adversário de sexta-feira, mesmo aparente e teoricamente acessível, é, na prática, e tradicionalmente, um osso duro de roer para Portugal, sobretudo a jogar perante o seu público.

É isso que atesta o facto de a turma das quinas apenas ter logrado uma vitória nas seis deslocações que lá fez e num dos cinco jogos disputados em Belfast... há quase 20 anos. António Oliveira era o selecionador e Rui Costa e Domingos marcaram os dois golos no triunfo (2-1) que ajudaria Portugal a marcar presença no Euro-96 inglês. 

Mesmo nos jogos em Portugal, como foi prova, aliás, o do Dragão (1-1) na primeira jornada desta qualificação, a Seleção não se dá bem com os norte-irlandeses, tendo somado apenas duas vitórias (e quatro empates) nos seis jogos até agora realizados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário