quarta-feira, 27 de julho de 2011

Cristiano Ronaldo

Ronaldo entre eleitos.


Xavi Hernández, Lionel Messi e Cristiano Ronaldo estão na corrida à edição inaugural do prémio para Melhor Jogador da UEFA na Europa, cuja lista final de candidatos foi anunciada esta segunda-feira.


Um júri composto por 53 jornalistas desportivos, em representação das federações que integram a UEFA, reduziu a longa lista de candidatos ao prémio, referente a 2010/11, ao internacional português do Real Madrid CF e ao duo do FC Barcelona. Outro elemento da formação catalã que conquistou a UEFA Champions League na última temporada, Andrés Iniesta ficou no quarto posto, bem perto dos três finalistas e à frente de Falcao e Wayne Rooney.


Os três finalistas vão agora entrar numa votação decisiva no Mónaco, durante o sorteio da fase de grupos da UEFA Champions League, agendado para 25 de Agosto. Xavi e Messi ajudaram o Barcelona a conquistar a Liga espanhola e o título europeu de clubes, com o argentino a terminar a temporada com 53 golos em 55 jogos pelo emblema catalão, 31 deles na Liga espanhola e 12 na UEFA Champions League, registo que iguala o recorde da prova. Ainda assim, foi Ronaldo quem conquistou a Bota de Ouro ESM, ao terminar a Liga espanhola com uns incríveis 40 golos marcados ao serviço do vice-campeão espanhol, Real Madrid.


Os 53 jornalistas vão votar em directo, através de um sistema electrónico, naquele que considerarem ter sido o melhor dos três, determinando assim o vencedor. As posições entre o quarto e o décimo lugares encontram-se já definidas, depois de cada jornalista ter fornecido uma lista com os respectivos três eleitos, recebendo o primeiro da sua lista cinco pontos, o segundo três e o terceiro um ponto:


4 Andrés Iniesta (ESP) – FC Barcelona (33 pontos)
5 Falcao (COL) – FC Porto (17)
6 Wayne Rooney (ENG) – Manchester United FC (15)
7 Nemanja Vidiæ (SRB) – Manchester United FC (5)
8 Zlatan Ibrahimoviæ (SWE) – AC Milan (4)
Gerard Piqué (ESP) – FC Barcelona (4)
10 Manuel Neuer (GER) – FC Schalke 04* (3)
* transferiu-se, entretanto, para o FC Bayern München


Este novo prémio, criado em parceria com a European Sports Media (ESM), irá distinguir o melhor jogador da época anterior, independentemente da sua nacionalidade, ao nível clubes das federações membro da UEFA.


Vem, assim, substituir o prémio de Futebolista do Ano da UEFA, conquistado em 2009/10 por Diego Milito, do FC Internazionale Milano. Ronaldo (2008) e Messi (2009) também receberam tal distinção.

Nenhum comentário:

Postar um comentário